Governo de Goiás

Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento

Procure o que você precisa:
Segunda, 01 de Setembro de 2014
Destaques Notícias
PIB Goiano cresce acima da média nacional em 2009 apesar da crise
23/11/2011 12h26 - Atualizado em 24/11/2011 10h21

A Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan) e a Superintendência de Estatísticas. Pesquisa e Informações Socioeconômicas (Sepin) divulgou nesta quarta-feira (23/11) os números do Produto Interno Bruto de Goiás de 2009, em parceria com o IBGE. Apesar da crise internacional, a taxa de crescimento da economia foi de 0,9%, acima da média brasileira que registrou taxa negativa de 0,3%. Foram adicionados à economia goiana R$ 10,344 bilhões, maior incremento anual da série histórica do PIB. Também foi recorde, a participação de Goiás na economia nacional, 2,6%. Goiás se manteve como a 9ª economia do País. O PIB per capita resultou em R$ 14.447,00.

De acordo com a superintendente da Sepin, Lillian Prado, os bons resultados de Goiás, que teve um crescimento acima da média brasileira, se deve principalmente ao bom desempenho da agropecuária, principalmente da agricultura. “Além disso, os preços dos produtos agropecuários foram bons no mercado internacional e em 2009 ocorreu um crescimento vigoroso do cultivo da cana-de-açúcar de cerca de 34% na produção”.

A participação positiva da indústria de transformação goiana também garantiu a boa colocação de Goiás no ranking. Para a superintendente Lillian Prado a explicação é porque a indústria de transformação goiana é voltada para o mercado interno. “As exportações brasileiras foram afetadas pela crise, tanto que tiveram um recuo, mas como nossa produção é voltada para o mercado interno, Goiás não foi afetado nesse setor”.

Crescimento no ranking
Outra novidade é que o PIB per capita de Goiás que estava na 12ª posição e em 2009 passou para a 11ª posição no ranking nacional. “Essa é uma conquista interessante porque o PIB per capita é um índice que reflete a qualidade de vida, e a melhoria desse índice reflete que Goiás está pleno crescimento”, avaliou a superintendente.

As perspectivas futuras para Goiás são otimistas. “Nunca se agregou tanto valor a economia como em 2009. Agregamos mais de R$ 10 bilhões à economia. Nossa participação no PIB nacional subiu para 2,64%, isso num ano de crise”, avaliou Lillian. Segundo ela, o PIB de 2010 será bem melhor, “pois foi um ano positivo para economia nacional e em particular para a economia goiana”. Ponto positivo para o Governo de Goiás que pretende chegar a 2011 com o PIB R$ 100 bilhões.

O PIB de todos os municípios goianos serão divulgados pela Sepin no dia 14 de dezembro.

Para saber mais sobre o PIB goiano acesse aqui.

Comunicação Setorial - Segplan

Palácio Pedro Ludovico Teixeira, nº 400, 7º andar - Centro Goiânia - GO

© Copyright 2012. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento