Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Presos trabalham na manutenção de áreas do Estado

Última Atualização: Terça, 07 Agosto 2018 12:31

Uma parceria entre a Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan) e a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) tem permitido o uso de mão de obra de reeducandos na manutenção de terrenos do Estado. Até agora, duas áreas, em Goiânia, foram limpas por presos do regime semiaberto.

Um dos terrenos está localizado no Residencial Conquista, onde foi feita a roçagem. No local, será construída uma praça. A outra área está ao lado do Estádio Serra Dourada, no Jardim Goiás, onde é realizada a Feira do Cerrado.

Nas duas atividades, 15 reeducandos do regime semiaberto, monitorados por tornozeleiras eletrônicas, realizaram a limpeza e a recuperação das áreas. Eles recebem até um salário mínimo por mês, vale-transporte e alimentação no local, além de terem direito à redução de um dia de pena a cada três dias de trabalho.

Atualmente, existem cerca de 300 presos trabalhando em Goiânia em parcerias da DGAP com vários órgãos do Estado. De acordo com a Superintendência de Reintegração Social e Cidadania, as parcerias permitem a reinserção e recuperação por meio da oportunidade de trabalho. O objetivo final desses programas é diminuir a possibilidade de reincidência criminal e preparar o indivíduo para o retorno ao convívio com a sociedade.

Comunicação Setorial - Segplan

Fim do conteúdo da página