Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Novos PMs terão salário inicial de R$ 3 mil

Escrito por COMUNICAÇÃO - Maria Júlia Rios Interlandi | Publicado: Quinta, 16 Fevereiro 2017 17:20

 

Os valores dos salários a serem pagos aos 3 mil novos policiais que serão admitidos em concurso público, que já está sendo realizado pelo Governo de Goiás, podem chegar a mais de R$ 3 mil com gratificações, horas extras e benefícios. Os vencimentos estão entre os mais altos do país pagos por governos estaduais às corporações Civil e Militar.

De acordo com o vice-governador José Eliton, o salário inicial para as duas novas categorias é de R$ 1,5 mil, sem os acréscimos. No entanto, ele esclarece que se trata da percepção simples. “Juntado com outros proventos, como gratificações e horas extras, por exemplo, o ordenado dos novos policiais vai muito além, podendo ultrapassar os R$ 3 mil”, afirma, lembrando que há outros benefícios que as categorias terão, uma delas é a bonificação por apreensão de armas.

Ao garantir que horas extras e gratificações elevam valor dos vencimentos dos policiais, Eliton lembra que a medida é sugestão de instituições que integram a força-tarefa em prol da Segurança Pública, como Poder Judiciário e Ministério Público Estadual, além de contar com respaldo de entidades ligadas às polícias Militar e Civil.

O processo seletivo em curso é mais uma medida do Governo Estadual para assegurar a paz e a tranquilidade da população e combater a criminalidade no Estado. Foram abertas 3 mil vagas para novos policiais, sendo 2,5 mil vagas para a Polícia Militar e 500 para a Civil. O edital exige a conclusão do Ensino Superior como requisito básico para ingresso nas corporações.

O concurso em andamento recebeu o respaldo dos presidentes da Associação dos Oficiais da PM, Ubiratan Reges de Jesus Júnior; da Associação dos Subtenentes e Sargentos da PM, Luís Cláudio Coelho de Jesus; da Associação dos Cabos e Soldados da PM, Gilberto Cândido de Lima; da Associação dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás, Waldson de Paula Ribeiro; e do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás, Fábio Alves Vilela.

Melhores salários do país

Levantamento feito pelo portal nacional de notícias G1, do Grupo Globo, mostrou que os policiais militares de Goiás possuem os melhores salários pagos por governos estaduais do País. O ranking apontou que os soldados de primeira classe, início da carreira, recebem R$ 4.570,59 na gestão do governador Marconi Perillo.

Ao contrário da realidade de Goiás, no Distrito Federal e em Roraima as remunerações dos PMs são pagas com recursos federais. No ranking dos estados que assumem integralmente o pagamento dos salários de seus policiais militares, caso de Goiás, Santa Catarina aparece em segundo lugar, com remuneração de R$ 4.520,24. O Estado do Espírito Santo, que vive profunda crise na Segurança Pública, paga o menor salário inicial, R$ 2.646,12.

Desde seu primeiro mandato como governador de Goiás, Marconi prioriza a valorização das categorias de polícia no Estado. Em 2016, apesar da crise econômica nacional e das medidas de austeridade fiscal, o governador reajustou os salários e promoveu policiais militares. Em setembro do ano passado, ele anunciou, para dezembro, a reposição de 12,33% para os policiais militares. Três meses antes, em agosto, o governador e o vice-governador assinaram as promoções de 208 oficiais da PM.

O reajuste havia sido aprovado pela Assembleia Legislativa em 28 de abril de 2014, com previsão de dispêndios sempre no mês de dezembro: 18,50% (2014); 12,33% (2015); 12,33% (2016) e 12,33% (2017). Os valores relativos a 2015, pior ano da crise econômica nacional, foram negociados para serem quitados em 2018, em razão da crise. O compromisso com a retomada do cronograma proposto foi reafirmado na reunião.

 

 

Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página